Tagged with internet

O #diamundialsemcarro e os falsos confortos

Hoje é o Dia Mundial Sem Carro. Como o nome já diz, é um dia dedicado não usar aquela coisa pela qual você pagou  R$ 20-30 mil, paga R$ 1500-2000 de seguro + R$800 – 1500 de IPVA. Para deixar na garagem. E claro, para desfrutar do maravilhoso sistema de tranporte público da cidade. E … Continue lendo

A receita do Twitter

Creio que o Twitter tenha o modelo de crescimento mais bacana dentre os serviços 2.0 da web hoje em dia. Por mais que Google, Facebook e outros sejam extremamente bem sucedidos e lucrativos até dizer chega, o Twitter incorpora algumas das idéias mais interessantes de crescimento da rede hoje. Os movimentos recentes da empresa mostram … Continue lendo

Notas sobre bytes

Nos últimos dias, por conta de uma oportunidade que apareceu, tenho pensado muito em música e o papel dela na sociedade. A gente fala muito de mídias sociais, da maior interação que a internet trouxe entre as pessoas e esquece que a música é a maior mídia social que existe. Há quem questione e vá … Continue lendo

Leitura, esse passatempo insano

Segundo o Google Reader, assino 166 feeds RSS e li 2.346 itens no último mês (que são pouco menos de 10% do total postado nas minhas assinaturas). Se colocasse em páginas tudo que li, em uma média de – digamos – 0,5 páginas por item, li 1.173 páginas de material. Sou assinante da HSM Management, … Continue lendo

Google: Zeitgeist 2009

Fastest Rising in Food & Drink (Global) acai berry picnic クックパッド tesco direct senseo peanut butter recall nespresso commande habibs delivery mocktail masterchef australia via google.com O Google publicou o Zeitgeist para 2009, estudo que lista os termos mais procurados (tecnicamente, os de maior crescimento) no ano. Além das obviedades Michael Jackson, Facebook e Lady … Continue lendo

Coisas que aprendi – errando – na internet

Minha geração não nasceu com a internet, mas passou o final da adolescência nela. Era uma época de terra de ninguém, onde a gente tentava se conduzir pelas regras de comportamento do mundo offline, mas ainda existiam muitas áreas cinzas que só o tempo resolveu. E durante esse tempo eu errei muito. Não tem porque … Continue lendo