[Bienal do Livro 2008] 5 coisas “yeah!” da Bienal do Livro 2008

Bom, ontem visitei a Bienal do Livro, lá no Anhembi, e como sempre foi uma experiência interessantíssima, movida a compras com descontos que não podiam ser ignorados e gente bacana. Seguem as 5 coisas mais legais da edição desse ano.

1. Organização do evento

O estacionamento era extremamente organizado, impedindo que alguém ficasse mais que 5 minutos para estacionar o carro, procurando vaga que nem um idiota, 20 bilheterias abertas (em um domingo!) que tornavam pegar fila impossível, mapa da feira altamente legível e de fácil localização e uma estrutura de segurança impecável. Não tinha como entrar em lugar errado.

2. Descontos generosos

80% dos stands que visitei metiam 20% em cima do preço de tabela. E não era conversa de vendedor, pois fui preparado com uma lista do que queria com o valor médio em loja, e o desconto era realmente desse naipe. Não vi tantos balaios como em outras edições da feira, o que provavelmente é um reflexo da produção cada vez mais crescente de livros no Brasil, não deixando espaço para os títulos de segunda mão; porém, os descontos foram bons substitutos.

3. Stand da Campus / Elsevier

Não necessariamente por ser um stand com títulos que falam mais forte ao meu coração de profissional de marketing (a editora faz parte de toda minha formação acadêmica e profissional), mas a Campus / Elsevier arrebentou: primeiro, o atendimento foi sensacional; dei a lista para a atendente, não precisei procurar um livro, e quando ela não conseguiu achar um, outros dois ajudaram.

Além disso, praticamente todos os títulos relevantes de suas divisões estavam lá, lançamentos interessantíssimos e descontos generosíssimos, além de um parcelamento de 6x a partir de R$150,00. Ainda ganhei uma sacola de brinde. Parabéns para a editora.

Site: http://www.campus.com.br/

4. Stand da Editora Planeta

Outra que arrebentou em títulos e descontos. Minha noiva saiu só com 3 debaixo do braço porque já tinha comprado outros 5 em outros stands, e o atendimento foi perfeito, aquele dedicado, do tipo “acho que não tem – mas vou ver – olha só, tem!”. Além de títulos extremamente relevantes, e um stand com tudo muito bem disposto. A notar de interessante a torre de livros do ex-proibidão “Na Toca dos Leões”.

Site: http://www.editoraplaneta.com.br/

5. O apelo quase erótico da feira

É impossível para qualquer um que seja rato de livro como eu não ficar empolgado com a grandiosidade da feira. O Brasil passa por um momento muito bacana no mercado editorial, retomando os níveis atingidos no período 1996 – 1998, e as editoras estão gostando de “se exibir”, abusando de displays, estantes recheadas, atendentes bem preparados, diversas oportunidades de conversar com editores e autores e outros atrativos. Eu não reclamaria se a Bienal fosse Anual…

Posts relacionados:

[Bienal do Livro 2008] 5 coisas “bleh!” da Bienal do Livro 2008

[Bienal do Livro 2008] O guia do mochileiro da Bienal

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s